Botões

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Alunos de inglês da rede pública obtêm certificado da Universidade de Cambridge

Cinquenta crianças da rede municipal de ensino do Rio receberam (2/11) da secretária municipal de Educação, Helena Bomeny, certificados de proficiência em inglês da Universidade de Cambridge, da Inglaterra. Segundo a secretária, o Programa Criança Global foi criado para cada vez mais qualificar alunos das escolas. “Os estudantes fizeram a prova e passaram. Eles obtiveram o primeiro diploma e passarão por outros exames até receberem o certificado geral de Cambridge”.

A entrega dos certificados da Universidade de Cambridge faz parte do programa que tem como objetivo universalizar e intensificar o ensino de inglês na rede pública. De acordo com a prefeitura, os alunos do 1° ao 3º ano do ensino fundamental têm uma aula semanal do idioma, enquanto que os estudantes do 4º ao 9° ano têm dois tempos semanais, com ênfase na comunicação oral.


A secretária afirmou que isto é um motivo de muito orgulho. “O interessante é que quando abrimos o concurso, exigimos prova oral dos professores para que pudessem dar aula. As maiores notas dos alunos foram justamente nessa área. As crianças estão realmente falando a língua inglesa”, afirmou.


Serão contemplados 1.138 estudantes do 5°e 6° anos, dos Ginásios Experimental Olímpico Juan Antonio Samaranch , Felix Mielli Venerando, e  de outras escolas municipais. A avaliação foi dividida em duas fases: prova oral e escrita, para verificar  os níveis de conhecimento das crianças na língua inglesa.


O aluno Miguel Ângelo Costa Cabral, de 12 anos explicou a razão que motivou sua preparação para a prova. “Desde que era mais novo, gostava de assistir a uma série  científica pela TV britânica, Doctor Who e queria conhecer os atores. A importância do inglês para mim é ter um conhecimento a mais, evoluirmos. Isso não é importante somente para mim, mas para todo mundo, porque muitas pessoas têm esta paixão que  tenho pelo inglês”, explicou.


A dona de casa Andreia Francisca dos Santos, de 40 anos disse que o filho, de dez anos já demonstrava interesse em aprender inglês por meio de jogos e ao assistir filmes pela  televisão. “Em casa, o que ele não sabe procura no tradutor utilizando a internet. É um incentivo para ele, acredito que com o certificado, ele vai se dedicar, se empenhar mais, até fazer um cursinho de inglês daqui por diante”.


A secretária Helena Bomeny disse, que foram implantados o ensino bilíngue de língua inglesa em quatro escolas, localizadas em diversas regiões da cidade (Complexo do Alemão, Pavuna, Jacarepaguá e Campo Grande), objetivando a introdução de metodologias e práticas de ensino desde a educação infantil até o 6° ano. A estimativa é  implantar até 2016 em outras seis comunidades.


A coordenadora do Programa Criança Global no Complexo do Alemão, Glaucia Moraes, que nasceu na região, disse que vários eventos foram feitos para motivar os alunos a usar o inglês na maior parte do tempo.


“ Tivemos peça teatral, como Romeu e Julieta em homenagem aos 450 anos de William Shakespeare, torneios de Futsal bilíngue para soletrar as palavras em inglês. Para mim, é importante que esses alunos tenham as mesmas oportunidades que tive, independente de terem nascidos  numa comunidade. Temos uma escola bilíngue com uma equipe de professores  competentes, que busca a formação continuada, se atualizar, conseguindo agregar conhecimento e qualidade para alunos da escola pública”, disse.


Fonte: Agência Brasil, em 2/11/2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário