Botões

terça-feira, 19 de abril de 2016

Afastado professor chinês que dava 100 para quem bebesse mais

Um homem de Guizhou, no sudoeste da China, foi tirado do cargo de professor por dar notas aos alunos de acordo com a quantidade de bebida alcoólica que ingeriam. Gu Ming, que ensinava Medicina Tradicional Chinesa no Instituto Vocacional Anshun, de Guizhou, não poderá mais dar aulas no instituto, embora continue contratado. Ele pedia aos alunos que bebessem na sala dele.

"Quem bebia a garrafa toda tirava 100 na prova, quem tomava meio copo, 90, e quem dava só um gole tirava 60. Os que não bebiam não passavam na prova", disse um aluno no Weibo. Fu Guisheng, vice-diretor do instituto, disse à Xinhua que Gu estaria brincando com os alunos, mas esse comentário não foi aceito pelos internautas. Alguns alunos foram vistos bêbados no instituto, admitiu.


O incidente provocou um debate intenso na internet, e muitas pessoas criticaram o professor, enquanto outras ficaram com pena dele, dizendo que o professor estava apenas ajudando os alunos a se adaptarem a práticas sociais comuns.


Muitos alunos podem ir a reuniões de vendas, e o quanto bebem pode decidir quantos negócios conseguirão fechar, disse Lapingjun, outro usuário do Weibo. "Existe uma cultura de obter a confiança e reconhecimento das outras pessoas através de beber, o que é triste mas real", acrescentou.


Fonte: Agência Xinhua, em 15/4/2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário